Dedetização em condomínios deve ser feita a cada seis meses

desentupidoras
Vantagens de escolher o atendimento de desentupidoras profissionais
02/09/2017
auto fossa
Serviço de auto fossa contribui para a eficiência dos tanques sépticos
05/09/2017

Dedetização em condomínios deve ser feita a cada seis meses

dedetização

Os condomínios devem realizar a cada seis meses uma dedetização completa no local. A medida visa prevenir infestações de pragas urbanas que podem causar prejuízos à saúde dos moradores. Mas, qual a melhor época para esse processo e como escolher uma empresa de dedetização boa e eficiente? Esses são alguns dos questionamentos que todos os síndicos e gestores de condomínios se fazem quando precisam realizar uma dedetização.

O período entre outubro e novembro é o mais indicado para ações preventivas contra proliferação de pragas urbanas como baratas, formigas, cupins, mosquitos e ratos nos condomínios. É justamente nessa época, na primavera e também no início do verão, em que ocorrem os acasalamentos e a formação de novas colônias.

Pragas mais comuns

É importante lembrar que é responsabilidade do síndico zelar pelas áreas comuns. Caso haja uma infestação – e se isso impactar em prejuízos para o condomínio devido à ausência de cuidados, o mesmo poderá ter de indenizar a massa condominial. Também é importante salientar que os condomínios têm a opção de manter um contrato de manutenção com a empresa de dedetização.
Dessa forma, o empreendimento estará sempre resguardado em casos de uma infestação. As pragas mais comuns são:

Aranhas: Vivem dentro das casas e jardins;
Baratas: Vivem dentro e fora das casas;
Cupins: Se alimentam de celulose e lixo e vivem dentro das casas;
Formigas: Surgem mais nos jardins e podem causar alergias em crianças;
Roedores: Vivem sob entulhos e dentro das casas;
Traças: Pequenos insetos de corpo achatado que vivem dentro das casas.

O que exigir

De acordo com a Resolução 52 (RDC 52/2009), da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), órgão do Ministério da Saúde, as empresas têm de ser legalmente constituídas e licenciadas pelos órgãos competentes de saúde e do meio ambiente (municipais, estaduais ou distritais). Somente empresas autorizadas podem adquirir e manusear alguns produtos químicos saneantes, de venda controlada pelo Ministério da Saúde. Elas são obrigadas ainda a ter profissional técnico registrado em seu respectivo conselho de classe e na Vigilância Sanitária do Estado.

Avise os moradores

Para a realização da dedetização, é preciso que o síndico determine data e hora, para que os condôminos possam se preparar. O local precisa estar liberado, sem a presença de pessoas e animais. Pragas como baratas, formigas, aranhas e ratos se escondem em pontos estratégicos de condomínios e prédios. Por isso, corredores e as lixeiras são pontos estratégicos. Crianças e animais de estimação são mais sensíveis, por isso todo o cuidado com o cheiro forte deve ser tomado.

Técnicas de prevenção

Além da dedetização, o combate às infestações de insetos e ratos exige vigilância e medidas de limpeza do ambiente. Os ratos, por exemplo, buscam lugares onde encontrem abrigo, alimento e água. Esses três fatores também favorecem o aparecimento de insetos. Alguns hábitos preventivos são:
– manutenção de ambientes limpos;
– manter espaços bem arejados, sem excesso de umidade;
– destinação correta do lixo, principalmente o orgânico;
– eliminar objetos inutilizados e entulhos dos locais comuns.

Consulte a Ambiental BR

Você pode contar com o auxílio dos técnicos da Ambiental BR, empresa especializada em dedetização e controle das pragas urbanas. Nosso diferencial é a combinação de profissionais experientes e os melhores equipamentos para o controle de pragas em residências, condomínios e áreas comerciais e industriais.
Os profissionais da Ambiental BR analisam o ambiente para determinar a praga alvo, a melhor metodologia a ser aplicada e os melhores produtos disponíveis e autorizados pelo Ministério da Saúde. Entre em contato com nosso plantão permanente e agende uma visita gratuita de avaliação.

Os comentários estão encerrados.